sexta-feira, 25 de março de 2005

* MANUAL DO TRIPULANTE - REGRAS DE BORDO - POR MARINHEIRO SILVIO DOS SANTOS

Tripulação - Hierarquia

Capitão - Encarregado, responsável pelo planejamento da navegação (check-list elétrico /mecânico , combustíveis , motores, geradores , dessalinizadores , previsão de tempo).Planos de viagem , assinatura de notas ou documentos , agendamentos de: revisões mecânicas/elétricas etc... .Vistoria de serviços de estaleiro, abastecimentos, compra de materiais de limpeza e mantimentos. Responde pela embarcação junto a Capitania, administração da marina ou Iate Clube. Preenche e mantém atualizado os Livros de Bordo:

Tipos de livros que todo Capitão deveria ter a bordo.

Livro 1- LOG BOOK: Diário de bordo, planos de viagem, abastecimentos, ocorrências.

Livro 2- LIVRO CAIXA: Anotações e controle de despesas pagas em dinheiro à bordo.

Livro 3- HISTÓRICO DE MANUTENÇÕES: Relatório de serviços e reparos executados na embarcação: revisões de motores, geradores, eletrônicos, nas embarcações miúdas (jet-ski e bote).

Livro 4- CONTROLE DE DESPENSA: Relação de gêneros alimentícios, bebidas, itens. 
De toalete / higiene e primeiros socorros a bordo.

Livro 5- ALMOXARIFADO: Inventário de Ferramentas , maquinário de serviço (Furadeira, compressor, politriz, máquina Wap, Eletro-domésticos portáteis ,etc...) ,materiais e implementos de polimento e limpeza à bordo e no box do clube. 

Imediato - Responsável direto pela organização e aspectos externos da embarcação, passadiços e fly bridge, conservação limpeza e funcionamento do bote e jet-ski, verificação da sala – de - máquinas e conves quando em navegação, familiaridade com motores, geradores e registros .Interpretação de painéis elétricos de motores ,geradores e dessalinizadores.

Comissário (a)-de-Bordo - Taifa , organização de camarotes e enxovais de cama ,mesa e banho , limpeza e aspiração interna , organização de roupas p/lavanderia , reposição de itens de higiene nos toaletes ,verificação/reposição de despensa e geladeiras, higienização de louças e talheres ,interpretação de painéis elétricos.

Tripulação - Deveres e Obrigações

1- Todo tripulante é responsável pela embarcação, independente do seu cargo e função. Devem interagir entre si e fazer o melhor para o bom andamento da rotina e das tarefas diárias.

2- Nenhuma nota, despesa, recibo, Ordem de Serviço ou Saída de Material poderá ser assinada em nome da embarcação, sem o conhecimento e autorização do encarregado. Assim como também nenhuma despesa do tripulante será reembolsada sem a apresentação do devido comprovante.

3- O funcionamento de rotina - ou semanal - do bote ou jet-ski, deverá ser comunicado ao
Encarregado, bem como checados seus níveis de gasolina e lubrificantes, também regras básicas de segurança e navegação. 

4- Todo tripulante têm de estar ciente e obedecer ao Código ou Regulamento de Funcionamento e/ou Conduta da marina, condomínio ou iate clube onde a embarcação estiver docada e, das penalidades a que estarão sujeitos.

Meio-Ambiente

1- A preocupação com o meio ambiente é fundamental. Combustíveis, materiais de limpeza e pintura devem ser manuseados com cuidado. Especial atenção aos sacos de lixo. Nada deve ser atirado na água, ou deixado de forma irregular na embarcação ou no píer. Nas revisões de motores ou geradores a sala de máquinas e praça de popa devem ser forradas e o piso de Teak protegido.

Postura

1- É vedado a tripulação o consumo de bebidas alcoólicas, também se deve evitar fumar a bordo.

2- O proprietário, sua família e convidados tem de ser tratados com toda distinção, respeito e atenção. Deve-se auxilia-los no embarque, oferecendo-se para guardar-lhes calçados e bagagens de mão. É uma forma educada e discreta de evitar que convidados de primeira viagem embarquem de calçados. 

3- Deve-se manter a sobriedade e discrição, respeitando a intimidade e conversação dos passageiros, emita opiniões apenas se lhe for solicitado. Evite trafegar pelo salão da embarcação, utilize-se da porta de serviço da cozinha com o passadiço de BB para servir à popa ou fly-bridge.

4- O proprietário está a bordo para ter alguns momentos de lazer. Por isso, qualquer dúvida, dirija-se ao encarregado.

Higiene

1- O asseio, higiene pessoal, como barba, unhas e cabelos são essenciais, assim como o uniforme - sempre em uso. Devendo haver a bordo, mudas de reserva e de mau-tempo. Óculos escuros , protetor solar , chinelos , tênis e bonés. Também toalhas e itens de higiene pessoal.

2- Todos devem portar consigo em seu uniforme, pano limpo ou aparadores, para enxugar as mãos ou onde se fizer necessário, pois o suor e a água salgada marcam a embarcação e podem tornar-se perigosos ao dificultar a pegada ou apoio.

3- Os perfumes e/ou similares de fragrâncias muito fortes, devem ser evitados.

4- Há de se tomar cuidado com o uso de anéis, pulseiras, colares ou brincos para que Não ocasionem acidente.

Organização

1- Fica destinado á tripulação o uso de sua cabine e WC sempre mantidos em ordem, bem como os armários para guarda de seus pertences pessoais: óculos, celulares (de preferência desligados), a fim de não se misturarem aos pertences dos passageiros.

2-As folgas semanais deverão ser tiradas de forma que a embarcação nunca fique desguarnecida , principalmente em viagens ou com convidados à bordo, quando deverá haver uma "escala" para as refeições (em terra , ou não) da tripulação.

3- Qualquer problema elétrico ou mecânico, tapeçaria, ou mesmo riscos, marcas ou manchas, deverá ser imediatamente comunicados a fim de não comprometerem a garantia (quando for um barco novo).

4- Quando em barco novo, qualquer serviço executado pelo estaleiro ou prestador de serviço, deverá ser obrigatoriamente acompanhado por um tripulante, para posterior preenchimento - ao seu término - do Histórico de Manutenções.

5- Especial atenção aos materiais ou ferramentas da embarcação utilizados em reparos por prestadores de serviço e/ou terceiros, a fim de se evitar extravios. As mesmas devem ser limpas e secas antes de serem guardadas.

6- É vedado o empréstimo de: extensões, máquinas, ferramentas, combustíveis, lubrificantes ou materiais de limpeza e manutenção da embarcação.

7- Os materiais de reposição e limpeza deverão ser listados e periodicamente distribuídos entre o box do clube e o armário/almoxarifado de bordo.

8- É indispensável à organização da ponte e áreas de embarque e passagem, quando da limpeza diária.

9- Os cabos de atracação devem estar acochados. Total atenção à mangueira do esguicho, pois arranha quinas, acrílicos, vidros e pára-brisas.

10- Deve-se evitar o uso do sistema de som/vídeo a fim de não descaracterizar a programação inicial / pessoal do proprietário.

11- É vedado á bordo a permanência de pessoas estranhas à rotina diária de serviços.

Alimentos

1- Deve-se evitar o aquecimento e/ou preparo de refeições da tripulação na cozinha da embarcação durante a semana.

2- Os gêneros alimentícios e bebidas estocadas são para consumo exclusivo do proprietário, seus familiares e convidados.

3- Os alimentos devem ter sempre checado sua validade e quantidade, as quais serão lançadas no livro de "Controle de Despensa”. Os mesmos devem ser somente manuseados com luvas.

4- Enlatados, garrafas de água mineral, e refrigerante, devem ser higienizador antes da estocagem e, novamente antes de irem à geladeira. 

5- Quando em viagem, todo alimento não consumido, deverá ser acondicionado em filme plástico , papel alumínio ou vasilhas Tupperware.

6- Especial atenção às frutas quanto ao seu amadurecimento a bordo, e ao arejamento em sua estocagem.

7- Todo saco de lixo que contiver restos de alimento, deverá ser lacrado para evitar a proliferação de insetos.

Segurança - Dever de Cautela

1- Os equipamentos eletrônicos e de navegação não devem ser manuseados sem total conhecimento de operação, a fim de não serem descalibrados.

2- Todo tripulante deve conhecer a localização dos extintores de incêndio portáteis e seu manuseio, acionamento do sistema de combate a incêndios e corte de combustível da sala de máquinas.Lanternas , chaves gerais de baterias ,e quadro principal elétrico de disjuntores ,caixa de primeiros-socorros , coletes salva-vidas ,localização/manuseio do equipamento EPIRB e fulmígenos.

3- As tomadas e o cabo de força do cais devem estar em perfeito estado e bem acoplados. Deve-se sempre conferir no painel, qual a voltagem ou a amperagem servida, assim como a demanda de saída.

4- A cambagem de energia cais/gerador, deve ser efetuada preferencialmente com os aparelhos de ar-condicionado e carregadores de bateria em Stand-by , a fim de se evitar sobrecargas.

5- Alguns equipamentos têm funcionamento contínuo ou intermitente: compressores de geladeira, carregadores de bateria, painéis de serviço. Bombas de transferência, de porão, cx. de águas negras, pressostatos.Todos devem ser conferidos diariamente.

6-Nas operações de atracação e desatracação, abastecimento, fundeio, mau-tempo, embarque e desembarque de passageiros e bagagens , é exigida a atenção de todos.

7- Portas, vigias, gaíutas , boxes de WC . Aparadores e armários, têm de ser conferidos, assim como: cabos , estofamentos , defensas e esticadores de bote e jet-ski , escada de popa , antes de se fazer ao mar.

8- Deve-se observar o uso de equipamentos de segurança: protetores auriculares ,óculos e , se necessário , luvas na sala-de-màquinas.

9- Deve-se manter à bordo do bote ou jet-ski , um ràdio HT e tentar manter , tanto quanto possível , contato visual quando do seu afastamento nos momentos de lazer.

10- É indispensável que todo tripulante ao utilizar as embarcações miúdas para a prática de reboque de wake ou ski , esteja trajado com o colete salva-vidas esportivo plugado na chave corta-circuito.

11- Turnos de vigília devem ser montados quando houver pernoites em locais ermos e,binóculos , lanternas ou faroletes deixados à mão.As embarcações miúdas devem ser recolhidas da água e,se possível ,acadeadas.

"Sí no puedes hacer el mejor...Hace lo mejor que tu puedes."

“A idéia básica deste Manual - baseado em observações pessoais e muitas pesquisas é de ajudar a planejar a administração, hierarquia e organização de uma embarcação Amadora de Esporte e Recreio. Há de se levar em conta o grau de exigência e os custos , cada vez maiores , das embarcações e dos equipamentos instalados à bordo. Somente àqueles realmente comprometidos em trabalhar de forma mais profissional possível , terão acesso às melhores oportunidades”. 

Silvio dos Santos
Capitão Amador - Operador Radiotelefonista - Navegação Eletrônica

Duvidas ou Informações

E-mail 1: silviocapitaoamador@itelefonica.com.br
E-mail 2: silviocapitaoamador@ig.com.br


E Você? Tem Alguma materia, uma história legal ou interessante sobre barcos e pessoas envolvidas com a navegação amadora?  Faça como nosso amigo Silvio dos Santos, envie para que eu publique neste blog.

um abraço e boas navegações

Ney Broker
e-mail e msn neybroker@hotmail.com

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...