domingo, 4 de maio de 2008

* SOS E RECOMENDAÇÕES AO NAVEGANTE

Leia com atenção antes de navegar pode valer uma vida.

Se você e o proprietário ou esta pilotando uma embarcação, você e o responsável por ela e pelos tripulantes e, mais, por danos causados a terceiros em casos de acidentes. 


Por isso você é responsável: pela segurança de seus passageiros; por não colocar em perigo passageiros de outras embarcações; pelo esquiador rebocado; pela segurança de quem estiver nas proximidades pescando, nadando, esquiando e também pelas obstruções existentes; por danos materiais e pessoais causados pela esteira deixada por sua embarcação; para que não lhe ocorra graves incovenientes , conheça as regras de segurança da navegação, abaixo enunciadas, e respeite-as:


Saiba e cumpra as regras de governo e navegação;
Saiba e cumpra as regras do regulamento do trafego marítimo (rtm);
Saiba e cumpra as regras para evitar abalroamento no mar ripeam e tenha a bordo uma carta 12.000, ela lhe da o significado dos símbolos e abreviaturas existentes nas cartas náuticas brasileiras. 

Esteja atento, antes de sair com seu barco para uma viagem verifique:

1- se ha a bordo um colete salva-vidas para cada pessoa e faça com que o vistam em condições adversas.

2- se ha a bordo, sempre em condições de funcionamento, uma lanterna, uma pistola de sinalização ou pirotécnicos, para casos de emergência.

3- se ha a bordo: alimentos e água potável necessários e suficientes, aparelho de pesca completo, facão, fósforos e isqueiros.

4- se ha a bordo dois ferros e cabos suficientes.

5- se ha a bordo um droque (ancora flutuante).

6- se ha a bordo pelo menos uma bóia salva-vidas circular presa a 25 metros de cabo.

7- se o combustível e suficiente para a viagem.

8- se os extintores de incêndio estão carregados e etiquetados com data de validade de carga.

9- se o material de salvatagem corresponde ao numero de passageiros.

10- se as crianças e quem não sabem nadar estão com coletes.

11- se esta com a documentação do barco e a carteira de habilitação.

12- o funcionamento dos instrumentos, do sistema de combustível, do sistema de esgoto, filtros de ar e de óleo, correias de motor, velas, etc.

13- o funcionamento do equipamento de radio e do sistema elétrico (bateria, luzes e fusíveis) e equipamentos por ele alimentados.

14- se dentro da caixa de primeiros socorros, não falta água oxigenada, merthiolate, pasta contra queimaduras, pílulas contra enjôo, esparadrapo, gaze, comprimidos analgésicos, etc. quanto maior for a viagem, maiores deverão ser seus recursos.

15- se a bordo tem cones de madeira, trapos e um martelo para serem usados em eventuais avarias no casco.

16- se a bordo tem alguns sobressalentes e ferramentas. a maioria dos defeitos são de simples reparo desde que tenhamos o necessário para faze-lo.

17- se os agasalhos são suficientes para todos a bordo.

18- a previsão do tempo. recorra a capitania, aos clubes náuticos, ouça radio e leia jornais.

19- se todos a bordo, sabem o que fazer em caso de emergência e onde esta o equipamento de segurança.

20- se existe no mínimo uma pessoa de sua guarnição que saiba os rudimentos de manobra de sua embarcação, para o caso de você se acidentar ou por qualquer motivo, ficar impossibilitado de comanda-la.

21- e por ultimo, faca um exame geral do casco e do estado geral da embarcação. não saia para o mar se sua embarcação esta avariada, mal conservada e sem equipamentos. após verificar que sua embarcação esta apta a se fazer ao mar, faca o seu plano de viagem: antes de sua saída informe as pessoas de sua intimidade: o dia, a hora e o local de destino e também os nomes dos passageiros e, bem assim, todo o planejamento quanto ao regresso. tudo isso, devera ficar registrado no clube ou garagem náutica de sua embarcação. se no curso da viagem houver qualquer mudança na derrota, participe a quem ficou com se plano de viagem. 

Esteja sempre atento

1- mantenha a velocidade reduzida enquanto estiver nas proximidades de áreas de atracão ou de fundeio.

2- reduza a velocidade a noite ou em condições adversas de visibilidade e mantenha uma vigilância adequada durante todo o tempo.

3- não se aventure em águas perigosas ou restritas a sua embarcação.

4- não se aproxime nunca de praias freqüentadas por banhistas a menos de 200m.

5- não navegue nunca nas proximidades de mergulhadores.

6- acostume a usar um arinque em sua âncora

7- mantenha constante vigilância da proa e da costa e absoluto controle da posiçäo da embarcaçäo .

8- preste socorro a náufragos e á outras embarcaçöes . sempre que notar sinais de fumaça , luzes ou outros tipos de sinais de pedido de socorro , procure aproximar-se e preste auxilio.

9- näo exceda a lotaçäo para a qual sua embarcaçäo foi licenciada , nem premitida o deslocamneto as bordo da pessoas embarcadas de maneira que possam comprometer sua estabilidade.

10- nas emergencias , saiba como proceder :

11- se dispuser de meios de comunicaçäo a bordo , saiba operar na frequências determinadas pelo dnsp;

12- durante fortes cerraçöes , buzine a cada minuto.

13- saiba utilizar os meios de socorro.

14- se houver problemas no motor , procure imediatamente fundear. avistando outra embarcaçäo , emita os sinais de mayday ou (sos) . se näo houver rádio , levante e abaixe os braços .solte foguetes luminosos com paraquedas exibindo luz encarnada.

15- näo brinque com gasolina no abastecimento , observe as seguintes recomendaçöes:

Para tanques internos

1- atraque a embarcaçäo cuidadosamente , desembarque os passgeiros , proibar fumar , desligue as máquinas ,ventiladores , motores , näo use interruptores , apague todos os fogos e feche as portas e vigias ;

2- näo encha o tanque até derramar e evite o centelhamento estático provocado por contato entre as partes metálicas;

3- aperte bem a tampa da gasolina , limpe-a , abra as portas e vigias e verifique se näo há vazamento de gasolina.

e-mail: nautica@poddiumnautica.com.br

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...